Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião, crítica e entretenimento

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião, crítica e entretenimento

Roma, o filme autobiográfico da Netflix

Dezembro 26, 2018

P. P.

ROMA da netflix.jpg

    Roma é um filme da Netflix que tem cativado os espetadores e os críticos. O seu nome deve-se ao bairro onde decorre a ação, em 1970 e 1971.

 

    A história de Cleo, uma empregada doméstica que trabalha para uma família de classe média, no turbulento México, no início do governo de Luis Echeverría, ganhou o Leão de Ouro no Festival de Veneza e já foi eleita o melhor longa-metragem de 2018 por críticos, em Los Angeles, Nova York, Chicago e São Francisco.

 

     Este filme foi inspirado na infância do seu realizador, Alfonso Cuarón, de 57 anos, na altura com 9 anos, dando ênfase à mulher que o criou, dando lugar a uma metáfora do país e da sua história, do seu passado e do seu presente. Um relato cru e emotivo sobre as realidades, alegrias, tristezas e o quotidiano oculto por trás da vida doméstica e um testemunho desolador – e, ao mesmo tempo, esperançoso – sobre as desigualdades sociais e raciais. Em vários momentos, senti-o como a história de tantas mulheres do interior do nosso país que, naquela década e anteriores, rumaram à capital, à procura de uma vida melhor e forma de ajudar a sustentar os irmãos mais novos, sacrificando-se por conta de outrem, criando os respetivos filhos e engravidando inesperadamente. Um filme de memórias. Aliás, “a memória é o narrador implícito”, argumenta o cineasta à IndieWire.

 

    Do argumento, a devoção de Libo, a ama de Cuáron, aos patrões, inclusive durante a própria crise conjugal destes e que se sobrepõe a todos os problemas pessoais e à agitação social na cidade. 

 

    Um filme artístico, podendo para muitos ser considerado aborrecido. Muito se esconde na imagem a preto e branco, como foi filmado e na densidade de todos os personagens. Deixo-lhe o trailer.

 

 

 

 

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Direitos

Ainda que procure uma utilização cautelosa e não abusiva de textos, imagens e sonoridades, poderá haver lugar à utilização indevida de obras objeto de direitos de autor. Contudo, apesar do recurso às hiperligações de origem, sempre que a legislação o implique ou seja devidamente informado, de imediato procederei a reajustes. Os textos e fotografias sem referência bibliográfica são da minha autoria.

Arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D