Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

[in]Sensato

Momentos [in] sensatos de reflexão, opinião e entretenimento

Arte - A Vagina de Danielle e os seus Amantes

_DSC2648 de Danielle Lessnau

 

    Danielle Lessnau é uma artista que levou a cabo Extimité, num processo fotográfico "erótico, terno, imprevisível, vulnerável... ao mesmo tempo, familiar e estranho (...) desconcertante e, em determinados momentos, confrangedor (...) divertido e carregado de intimidade" . Em entrevista ao Público, revista P3, referiu que esta consiste numa série de retratos dos seus amantes feita a partir do ponto de vista da sua vagina. "Criei oito câmaras estenopeicas (pinhole) a partir de velhos cartuchos fotográficos e instalei-lhes um obturador eléctrico que pode ser controlado pela minha mão".

    Pode ver outras fotografias seguindo as hiperligações aqui disponibilizadas e ler a totalidade do artigo, no Público.

 

Qual é a sua opinião acerca deste tipo de trabalho artístico?

 

 

Insensato.jpg

Os Vizinhos - 1.ª temporada - os Indutores da nossa Vida podem estar tão Perto

Nieuwe-Buren I- Os Vizinhos T1

 


    Os Vizinhos ou Nieuwe Buren, aqui na sua 1.ª temporada (cf. a hiperligação) é uma série holandesa, que está disponível na plataforma Prime Video, nas suas duas temporadas.


    Um argumento fantástico, para uma produção e elenco à altura. Esta série dramática, facilmente adquire tons de erotismo e thriller. Aliás, tudo começa com uma criança, a brincar no jardim com um palhaço, segredando-lhe não poder regressar a casa. Isto porque, os pais estão a discutir com os vizinhos. Nada escutando, o palhaço aproxima-se da varanda e vê a cortina manchada de sangue, assim como o esboço de uma mão ensanguentada no vidro. Num ápice, a série regressa ao passado, no momento em que um casal procura uma casa para viver com a vinda da 1.ª filha. Como o bairro parece muito familiar compram uma das casas, envolvendo-se, de forma diferente, com os vizinhos.


    Alguns dos primeiros episódios podem dar a ideia de uma série lenta, mas tal não acontece. Estamos a ser preparados para uma dose de sensualidade e suspense intenso. Dos pontos inesperados e pouco abordados em séries e filmes, são retratados através da deficiência hereditária, dado o gene dominante de um dos progenitores e a doença incapacitante na velhice. Neste, o desejo e a inversão de papéis, no que ao mais capacitado diz respeito. A vingança e a maldade humana, que se pode esconder no mais etéreo dos seres humanos.


    Nesta primeira temporada são abordados alguns dos seguintes assuntos: relacionamentos abertos, a prática de swing, a sexualidade na 3.ª idade, a traição, o fio ténue da confiança, a discriminação em contexto escolar, em função das práticas dos pais, a terapia de casal, a deficiência hereditirária, a infertilidade, a religião, as toxicodependências, a falsa inocência e a sociedade de aparências.


     Os episódios finais são simplesmente contagiantes. Torna-se difícil abandonar a série por poucos minutos que seja. Afinal, tudo começou com evidências que podem ou não corresponder à realidade. Alguém morre? Em caso de vítimas, quantas são? Quem são os prováveis assassinos?

    Embora se trate de uma série aconselhada para maiores de 16 anos, não me parece recomendável a pessoas mais sensíveis. Um ponto a ter em atenção, nada do que é abordado é fantasia.

 

#theneighbors #nieuweburen #osvizinhos #primevideo #rtl4

Insensato.jpg

10 sinais de alerta do cancro do pâncreas

cancro do pâncreas

 

    Raro, 8.ª causa de morte nos homens e 9.ª nas mulheres, o 12.º mais comum no mundo, com sinais e sintomas que se podem confundir com outras patologias, rápido e silencioso, assim é o cancro do pâncreas. De acordo com o Sapo Lifestyle, na secção de Saúde e Medicina, "a tendência é que a taxa de mortalidade continue a aumentar, devido aos diversos fatores de risco que fazem parte da vida de muitas pessoas: tabagismo, pancreatite crónica, diabetes, consumo excessivo de álcool, alimentação rica em gorduras, obesidade, idade e história familiar."

 

    O cancro existe, não bate à nossa porte e nas suas modalidades, pode atngir mais do que um elemento do agregado familiar. Assim foi a minha experiência. Por isso, lutemos na prevenção e diagnóstico atempado.

 

Insensato.jpg

Do séc. XX - Já não há heróis

Música by PP

 

   Não é fácil ficar indiferente a muitos dos êxitos da década de 80. Neste caso, na sua 2.ª metade, altura em que ouvir música portuguesa deixou de ser algo fora de moda, decadente, ... 

Esta banda, In Loco, teve como principal êxito Já não há heróis, em 1987. Tal como se deu a conhecer, desapareceu do panorama musical. Uma atenção especial à letra e aos teclados.

 

 

Ainda há heróis?

 

Letra

 

Insensato.jpg

Sex Education - o humor deambula pelos problemas da sexualidade

Sex-Education

 

    A comédia dramática Sex Education, da Netflix, que estreou a 11 de Janeiro, e que é da autoria de Laurie Nunn, retrata a vida de Otis Milburn, interpretado por Asa Butterfield. Ele, que é filho de um casal de terapeutas sexuais que se divorciaram recentemente, vive com a sua mãe, Jean (Gillian Anderson, a eterna Scully de a série “The X-Files”) cresceu a ouvir em casa, e às escondidas, as consultas da sua progenitora com os seus pacientes.

 

   Otis Milburn é um adolescente, naquela fase em que todos os jovens começam a pensar no início da sua atividade sexual, e Jean é uma terapeuta sexual, que fala abertamente com o seu filho sobre o tema, seria de esperar que Otis fosse mente aberta relativamente ao assunto. Na teoria até é, mas na prática …. No entanto, as coisas mudam de figura quando Otis conhece Maeve, papel interpretado por Emma Mackey.

 

    Em oito episódios, com uma excelente dose de humor, são abordadas temáticas da nossa adolescência e da dos outros. Algumas problemáticas referentes à sexualidade podem deixar o espetador "espantado", dado nunca ter pensado na existência das mesmas. Assim sendo, entre outros, são abordados temas como:

- os problemas, durante o coito, dos homens (rapazes) com o pénis grande;

- a dificuldade de alguns em tocarem nos seus genitais, considerando-os "nojentos";

- a virgindade de hetero e homossexuais;

- as atitudes adotadas por forma a integrar um grupo;

- os comportamentos entre grupos e a frieza que muitas vezes adotamos, durante esta etapa;

- o crescimento dos adolescentes, sem a presença dos pais;

- o reflexo dos pais nos filhos, obrigando-os à prática de atividades que não são do agrado deles;

- a masturbação;

- o sofrimento daqueles(as) que não se encontram ao mesmo nível de maturação sexual que a dos seus pares;

- as consequências, a longo prazo, de quando se assiste à cópula de um progenitor com outra pessoa;

- etc.

 

    Ingredientes mais do que suficientes para pais, adolescentes, professores e psicólogos, numa série bem contextualizada, com sequência, interpretações e roteiro muito bons e uma banda sonora, também ela magnífica, a qual acenta em músicas dos anos 80. A ver

Insensato.jpg

Alguns modelos para O Diário da Gratião

Modelo de diário da gratidão

    Após ter defendido a não banalização do Diário da Gratidão , citando algumas vantagens desta técnica, logo de seguida partilhei um calendário com atitudes a adotar num mês. Neste momento, dado ter-me deparado com leitores que precisam de adotar esta medida, por forma a encontrar o bem-estar, partilho alguns modelos de Diários da Gratidão, respetivas fontes e hiperligações.

 

    Começo por divulgar aquele que me foi dado a conhecer pela minha coach, psicóloga clínica, da MindCoaching.

 

Gratitude .png

 

    Da página Positive Psychology Program, cuja leitura recomendo e na qual pode encontar sugestões de APP e modelos, eis o PDF da imagem aqui partilhada.

  Free_Gratitude_Journal_from_Karla_Silver.pdf

 

    Pode também recorrer a esta página, da qual partilho um modelo.

gratitudejournal.pdf

 

    Não esqueça, o quanto é importante sua saúde.

A pessoal e a coletiva. Pequenos gestos podem evitar o recurso a medicação indesejada, a qual deve ser administrada sempre com a recomendação do seu médico.

 

 

 

 

 

Insensato.jpg

Imagine Dragons - Believer

chalkboard-620316_1920.jpg

 

 

 

 

“Believer” thunders around a percussive backbeat and expressive vocals from Dan Reynolds to bring about a message of embracing pain, and using it as a tool for personal growth. It marks the end of Imagine Dragons' self-imposed hiatus that started in 2016. The song acts as the title for their documentary surrounding LGBT youth and the Mormon church.
The song was released on the first of February as the lead single for their third studio album, ƎVOLVE, and was featured in a commercial for the Nintendo Switch that premiered on Super Bowl LI. The song was also featured in the first trailer for Kenneth Branagh’s Murder on the Orient Express remake.
Nearly two years after its release, the band released a remix of the song alongside Lil Wayne during their 2019 National College Football Championship halftime performance.

 

Extraído de Genius, em 11/11/2019

 

A letra 

Insensato.jpg